domingo, 8 de maio de 2011

O Filho que eu quero ter

A tempos sonho contigo
Pequeno em mim germinado
Surgindo como um milagre
Semente brotando em mim

A tempos quero sentir-te
Dividir contigo minha vida
Sonhar com teu riso de anjo
Depois que nascer de mim

A tempos sonho em ver
Seus olhinhos sonhadores
Sua fala tão suave
A brincar de beabá...

A tempos sonho em ver
Suas mãos tão pequeninas
Segurando com alegria
O seu primeiro brinquedo

A tempos sonho em ver
Teus pezinhos pequeninos
Correndo descompassados
Para os braços do Papai

A tempos sonhos contigo
Um anjo indefinido
Seja menina ou menino
Seja o que quiseres ser...

A tempos sonho esse sonho
Inexistente e amado
Eu aguardo em meu regaço
O filho que eu quero ter.



Um comentário:

  1. Muito lindo,
    Emoção de desejar,
    Amor incondicional antecipando...
    Parabas!!!

    ResponderExcluir